02-Mar-2022 14:52 - Atualizado em 11/03/2022 09:20
Turfe

Cavalo brasileiro fica em 5º e fatura 1 milhão de dólares na Arábia Saudita

Criador Julinho Camargo, do Haras Old Frieds, falou da grande conquista de Aero Trem na Saudi Cup 202, da Arábia Saudida, no programa "O Ninho do Albatroz"

banners novos nov-2021, 2021, banners,
Banners novos nov-2021

Mais um animal de criação brasileira ganha repercussão internacional. No último sábado, 26 de fevereiro, o cavalo Aero Trem, criação e propriedade do Haras Old Friends, de Bagé (RS), mostrou por que é uma das grandes promessas do turfe brasileiro. Numa corrida fantástica, terminou com a 5ª colocação na Saudi Cup 2022, ficando com a premiação de U$ 1 milhão. Realizada em Riad, Arábia Saudita, a Saudi Cup teve simplesmente a maior bolsa do mundo oferecida numa prova de turfe, total de U$20 milhões.

Para Julinho Camargo, proprietário do Haras Old Frieds, a sensação pela conquista é indescritível, pois trata-se de uma prova muito difícil, que contou com os melhores cavalos do mundo no turfe. “Até então o Aero era um cavalo que sempre correu na América do Sul. Mas não dava para ter uma referência quando pega um páreo lá, onde estavam os maiores do mundo. Soma-se a isso o fator de aclimatação, de ele vir de um período de inatividade de quatro meses”, pontua.

O feito do cavalo Aero Trem foi o tema central na estreia do programa “O Ninho do Albatroz”, no canal da Revista Horse TV no Youtube, desta terça-feira (1). O programa, que passa a ser exibido semanalmente, traz análises, comentários, entrevistas e debates sobre Turfe e cavalos Puro Sangue Inglês (PSI), com a condução de três especialistas no assunto: o broodstock agent Renato Gameiro, o proprietário de cavalos Edson Alexandre e o cronista Marcelo Bacelo.

Confira abaixo a íntegra da participação do proprietário do cavalo e titular do Haras Old Friends, Julinho Camargo, no "O Ninho do Albatroz". Aproveite e se inscreva no canal, marque o sininho para ser lembrado das próximas atrações.

Revista Horse
Deixe seu Recado