04-Fev-2021 11:04 - Atualizado em 04/02/2021 17:16
Cavalo Árabe

Criação ganha destaque no mundo

Qualidade genética da tropa brasileira está cada vez mais em evidências nas melhores exposições, em especial na Ásia

horse, 2020, banners,
Horse

exposição mundo, arabe, 2021, imprensa,
Exposição mundo

Já não é de hoje que a criação brasileira de cavalos Árabes vem se destacando nas grandes exposição do mundo. Um dos principais motivos é qualidade genética do plantel nacional, cada vez mais atraindo criadores e proprietários do de várias partes do planeta, em especial do continente asiático, como o Qatar National Arabians Horse e Emirates Arabian Horse Breeders Championship, realizados na última semana.

Segundo dados da Associação Brasileia dos Criadores do Cavalo Árabe (ABCCA), nos últimos três anos foram exportados 116 animais para EUA, Chile, Suíça, Uruguai e Oriente Médio, entre outros. E cada vez mais chama a atenção de criadores e proprietários de cavalo Árabe de toda parte do mundo.

Isso pode ser constatado a cada edição das exposições internacionais, que sempre tem animais brasileiros em pista ou filhos destes animais ficando entres os melhores nas categorias apresentadas.

Recentemente, na 23º Qatar National Arabians Horse Show, a potra Alma Al Jassim, do Sheikh Saoud Faleh Al-Thani, conquistou dois importantes títulos, campeã potra 2 anos e reservada campeã potra Junior. A potra é filha do garanhão brasileiro Bandit SRA, de propriedade de Francisco Vilaró Carrasco, do Haras Carandá, e da matriz brasileira Flora HVP, que foi exportada prenha da mesma.

“É muito gratificante ver filho de um garanhão, que a gente escolhe com tanto critério ter resultados significantes em outros países, em especial no continente asiático, onde os Sheiks investem nas melhores genéticas. É a coroação de um trabalho!”, expõe Francisco Vilaró Carrasco, mais conhecido como Paquito.

Outro grande evento da raça Árabe com descendentes da criação nacional em destaque foi o Emirates Arabian Horse Breeders Championship.

Os filhos e um neto da matriz brasileira FT Shaella, da criação de Flávia Torres do Haras FT, conquistaram três importantes títulos. D Gharam (FA El Rasheem x FT Shaella), campeã Égua Ouro Sênior, S Sharar (D Seraj x FT Shaella) campeão Prata potros de um ano e o neto de FT Shaella, S Shareer (AJ Marzam x D Sharla), campeão Ouro Potro Junior.

“Vendemos a FT Shaella para o Dubai Stud com apenas 5 meses de idade e tivemos muito orgulho de vê-la vencer o campeonato mundial em Paris. Ver hoje seus filhos e neta vencerem uma exposição tão importante como essa nos Emirados Árabes é ainda mais recompensador, pois sabemos da alegria que ela continua dando aos seus proprietários, por todos os resultados e pela família que ela fundou por lá “comemora Flávia Torres.

assessoria ABCCA
Deixe seu Recado