06-Ago-2022 05:36 - Atualizado em 06/08/2022 15:31
Herning2022

Jovem Time Brasil de Volteio faz estreia emocionante no Mundial

Equipe foi a sexta entre 14 equipes que se apresentaram na arena Yske Bank Boxen, no primeiro dia de provas do Herning2022, neste sábado (6/8)

novos 2022, banners horse, 2022, banners,
Novos 2022

Time Brasil de Volteio,  nos cumprimentos da apresentação, Volteio,  Revista Horse,  hipismo,  Mundial,  Herning,  , Marcelo Mastrobuono, Jovem Time Brasil de Volteio faz estreia emocionante no Mundial
1/14 Time Brasil de Volteio, nos cumprimentos da apresentaçãoMarcelo Mastrobuono
Equipe técnica,  com veterinário Marcello Servos e a chefe de equipe Maria Luiza Giugni, Volteio,  Revista Horse,  hipismo,  Mundial,  Herning,  , Marcelo Mastrobuono, Jovem Time Brasil de Volteio faz estreia emocionante no Mundial
2/14 Equipe técnica, com veterinário Marcello Servos e a chefe de equipe Maria Luiza GiugniMarcelo Mastrobuono
Após a apresentação,  abraços e lágrimas de emoção, Volteio,  Revista Horse,  hipismo,  Mundial,  Herning,  , Marcelo Mastrobuono, Jovem Time Brasil de Volteio faz estreia emocionante no Mundial
3/14 Após a apresentação, abraços e lágrimas de emoçãoMarcelo Mastrobuono
Antes do aquecimento oficial,  um alongamento ainda na parte externa  da arena, Volteio,  Revista Horse,  hipismo,  Mundial,  Herning,  , Marcelo Mastrobuono, Jovem Time Brasil de Volteio faz estreia emocionante no Mundial
4/14 Antes do aquecimento oficial, um alongamento ainda na parte externa da arenaMarcelo Mastrobuono
Time Brasil e Volteio momentos antes da apresentação, Volteio,  Revista Horse,  hipismo,  Mundial,  Herning,  , Marcelo Mastrobuono, Jovem Time Brasil de Volteio faz estreia emocionante no Mundial
5/14 Time Brasil e Volteio momentos antes da apresentaçãoMarcelo Mastrobuono
Vista geral da arena Yske Bank Boxen,  em Herning (DK), Volteio,  Revista Horse,  hipismo,  Mundial,  Herning,  , Marcelo Mastrobuono, Jovem Time Brasil de Volteio faz estreia emocionante no Mundial
6/14 Vista geral da arena Yske Bank Boxen, em Herning (DK)Marcelo Mastrobuono
Jovem Time Brasil de Volteio faz estreia emocionante no Mundial
7/14
Jovem Time Brasil de Volteio faz estreia emocionante no Mundial
8/14
Luis Ruas, Jovem Time Brasil de Volteio faz estreia emocionante no Mundial
9/14 Luis Ruas
Luis Ruas, Jovem Time Brasil de Volteio faz estreia emocionante no Mundial
10/14 Luis Ruas
Luis Ruas, Jovem Time Brasil de Volteio faz estreia emocionante no Mundial
11/14 Luis Ruas
Luis Ruas, Jovem Time Brasil de Volteio faz estreia emocionante no Mundial
12/14 Luis Ruas
Luis Ruas, Jovem Time Brasil de Volteio faz estreia emocionante no Mundial
13/14 Luis Ruas
Luis Ruas, Jovem Time Brasil de Volteio faz estreia emocionante no Mundial
14/14 Luis Ruas
Volteio, Revista Horse, hipismo, Mundial, Herning, Volteio, Revista Horse, hipismo, Mundial, Herning, Volteio, Revista Horse, hipismo, Mundial, Herning, Volteio, Revista Horse, hipismo, Mundial, Herning, Volteio, Revista Horse, hipismo, Mundial, Herning, Volteio, Revista Horse, hipismo, Mundial, Herning,

Depois de muitas expectativas, o jovem Time Brasil de Volteio fez sua estreia no ECCO FEI World Championships em Herning, na Dinamarca. A equipe comandada pelos técnicos Agnes Werhahn (internacional) e Isac Araújo (nacional), foi a sexta a entrar na arena  Yske Bank Boxen, às 9h50 deste sábado (6/8), encerrando a apresentação com a nota de 5.521, em 12º lugar, à frente de equipes da Argentina e Austrália. O resultado é o que menos importa para um time formado praticamente só de crianças e adolescentes, que fizeram a estreia em competições internacionais juntamente com o capitão, o experiente atleta Nicolas Martinez Valencia e Clara Zerwes Tremblay, únicos a participarem de outros Mundiais. Os demais membros do time são: Giovanna da Matta Ghidetti Pimentel, Giovanna Teixeira Ricardo, Manuela Santos Garcia, Carolina Plihal Ferreira, Flávia da Rocha Brito, Hélène Natalle Lejeune, Edoardo Crivelli Visconti e Sophie Marie Cambrai Martin, com o cavalo Louis Vicomte, um Bretão de 15 anos.

Ao final, todos comemoraram muito emocionados a apresentação, às lágrimas e abraços, sob os olhares da equipe técnica formada pela chefe de equipe Maria Luiza Giugni, ex atleta participantes de Mundiais, e o diretor Veterinário da Confederação Brasileira de hipismo (CBH), Marcello Servos. Nem os experientes Nicolas e o técnico Isac disfarçaram a emoção, com um longo abraço também às lágrimas.

A emoção faz todo sentido. Para chegar em Herning2022 foi necessário muito empenho, principalmente para formar uma equipe praticamente inteira de jovens atletas. No dia anterior, o treinador brasileiro Isac Araújo falou com a reportagem da Revista Horse, que faz a cobertura direto de Herning, na Dinamarca, sobre o processo de mudança para poder participar da competição. "Desta vez é uma situação diferente, pois nós sempre treinamos durante um longo tempo com uma equipe, nos preparando para representar um esporte que não é tão popular em nosso País, e tivemos uma desestabilização do time oficial, em razão da pandemia e de  outros problemas. Então pegamos o time júnior, juntamos com o Nícolas e a Clara, para poderem dar experiência a esse time novo, que daqui a pouco vai estar ocupando o lugar desse pessoal que já está aposentando, pois o Volteio é um esporte justo que nos faz aposentar muito cedo", comentou (Veja íntegra da entrevista AQUI).

Logo após a apresentação, Nicolas Martinez e os jovens atletas, ainda emocionados, falaram com a reportagem da Horse, em uma das laterais da área de aquecimento, já que a arena ainda não disponibilizou a habitual Zona Mista da imprensa. "Deu tudo certo, sim. É uma equipe muito nova, mas lá dentro todo mundo deu uma garra, todo mundo se superou e acho que foi melhor do que a gente esperava, o cavalo estava perfeito, os técnicos estavam apoiando a gente e está todo mundo de parabéns", comentou. Veja, abaixo, a íntegra da entrevista com o Time Brasil de Volteio

.



Revista Horse - direto de Herning (DK)
Deixe seu Recado