02-Ago-2021 23:05 - Atualizado em 02/08/2021 23:18
Horse Tokyo 2020

O OURO É DELA. E É ALEMÃ

Pela primeira vez no CCE Olímpico uma mulher ganha o Ouro, com Julia Krajewski. Prata fica com o inglês Tom McEwen e a Bronze Andrew Hoy, da Austráliaa

undefined,
r

julia - alemanha, final salto, cce, tokyo 2021, 2021, imprensa,
Julia - Alemanha

Pela primeira vez na história dos jogos Olímpicos, uma mulher ocupa o lugar mais alto no pódio no Individual do Concurso Completo de Equitação (CCE). A amazona Julia  Krajewski, 33 anos, montando Amande de B´Neville, conquistou ouro na Tóquio 2020, superando seu conterrâneo Michael Jung, bicampeão (Londres 20202 e Rio 2016) e mais 24 conjuntos que foram à final nesta segunda-feira no Equestrian Pak Baji Koen, em Tóquio. Julia construiu sua vitória com 25.20 pontos perdidos no Adestramento, 0.40 no Cross-country e duas passadas com pista limpa no Salto e 0.40 de penalização por tempo na segunda volta, somando 26 pontos perdidos. A medalha de prata ficou com o britânico Tom McEven/Toledo de Kerser, com 29.30 pp, e a bronze com o australiano Andrew Hoy/Vassily de Lassos, com 29.60 pp. “Eu realmente me beneficiei da enorme confiança que tenho na minha égua. Tentei imaginar que estava em casa treinando sob os holofotes, que é o que eu realmente gosto de fazer. Eu disse: Amande, vamos arrasar agora', e tive a sensação de que ela realmente sabia que era especial”, comentou a campeão na sala de imprensa.

Revista Horse
Deixe seu Recado