10-Dez-2019 15:59 - Atualizado em 10/12/2019 17:35
Salto

Um conjunto de tirar o chapéu

Montando Azrael W, cavaleiro José Roberto Reynoso confirma boa forma em desempate emocionante e fatura Top Rides e o Ranking Sênio Top 2019

banners,
Banners

senior top, salto, 2019, imprensa,
Senior Top

O cavaleiro olímpico José Roberto Reynoso Fernandez Filho, na sela de Azrael W, viveu um dia especial no último domingo, 8/12, na Sociedade Hípica Paulista. Em uma disputa emocionante até a última vara, sagrou-se campeão do Concurso de Salto Nacional 4* Top Riders, que recebeu o nome de seu pai, com o Troféu José Roberto Reynoso Fernandez, o Alfinete (in memorian). Na prova com obstáculos de 1.55 metro, desenhada pelo course-designer alemão, Frank Rothenberger, considerado um dos tops do mundo, ainda ficou, pela sétima vez, na liderança do Ranking Brasileiro Sênior Top 2019,

Participaram do GP 30 conjuntos em que 12 garantiram percurso limpo habilitando-se a uma emocionante 2ª volta em que cinco voltaram a zerar. Último em pista por ter sido mais rápido na 1ª passagem, José Roberto com Azrael W partiu para o tudo ou nada e com a incrível marca de 44s40 garantiu a vitória, baixando o tempo do líder em mais de 2 segundos.

A atuação do vice-campeão Lucio Osório apresentando Galipolli Ter Doorn também foi impecável com duplo zero em 46s43. O top Marcello Ciavaglia, que entre outras conquistas vem de vitória no GP do 81º Aniversário da Sociedade Hípica Brasileira no Rio em 24/11, competiu com outra montaria uma vez que seu principal cavalo Conto RJ está embarcando para uma temporada no EUA. Montando Theron RJ, Marcello emplacou em 3º lugar com dois percursos em faltas em 48s90, resultado que confirmou o cavaleiro como vice-campeão do ranking brasileiro senior top.

"Sem dúvida nenhuma entrar por último é uma vantagem porque você vê o que os outros fizeram. O Lúcio (vice-campeão) é um cavaleiro rápido. Como costumo dizer, mais uma vez, era para nossa estrela brilhar", comentou o campeão que entre outras conquistas esse ano faturou o tetra no GP Indoor 2010/2017/2018/2019 em 30/9 e também o tetracampeonato brasileiro Senior Top 2015/2016/2017/2019, em 10/11, ambos eventos na Sociedade Hípica Paulista. "É uma alegria muito grande ter um Troféu Perpétuo com nome do pai (Alfinete) dentro de casa. Agradeço a Hípica Paulista pela homenagem, a minha equipe, a todos que torcem pela gente e pai: estamos estamos fazendo nossa parte."

A 4ª colocação foi do olímpico Stephan Barcha, que veio especialmente da Europa, e montando Calida, fez duplo zero, em 49s94. A medalhista pan-americana Karina Johannpeter, que também se divide entre concursos na Europa e Brasil, montando Challenger JMen foi primeira a fazer duplo zero, em 51s13, garantindo o 5º posto. Em 6º lugar chegou Guilherme Dutra Foroni com Cornet Silver JMen que fechou com somente um derrube na 2ª volta, 48s93.

Frank Rothenberger, um dos melhores course-designers do mundo responsável pelos percursos do CHIO Aachen, meca do hipismo mundial na Alemanha, elogiou a atuação dos cavaleiros. "Em meus percursos eu sempre busco garantir um bom espetáculo e hoje vimos o melhor esporte. A disputa foi muito boa em que os cavaleiros foram tirando o tempo uns dos outros fechando com essa vitória espetacular do José Roberto."

Ao longo da temporada 2019, 85 cavaleiros e amazonas disputaram o ranking brasileiro Senior Top (rendimento máximo) em nove etapas. José Roberto faturou o ranking brasileiro com 333 pontos e Marcello foi vice, 300,5 pontos. As disputas também serviram como observatórias para formação das equipes internacionais do país. O vice-campeão do ranking Marcello Ciavaglia está de viagem marcada para os EUA, onde ao lado de José Reynoso, foi convidado pela Confederação Brasileira de Hipismo a integrar Time Brasil de Salto na Copa das Nações 4* na 8ª semana do Winter Equestrian Festival 2019 na Flórida (EUA). José Reynoso ainda não confirmou sua participação.


GP Top Riders Troféu José Roberto Reynoso Fernandez (Alfinete) - in memorian

Campeão José Roberto Reynoso Fernandez Filho / Azrael W - FPH - 0/0 - 0- 44s40
Vice Lucio Osório / Galipolli Ter Doorn - FPH - 0/0 - 0/46s43
3º Marcello Ciavaglia / Theron RJ - FPH - 0/0 - 0/48s90
4º Stephan de Freitas Barcha / Calida - FHBr - 0/0 - 0/49s94
5º Karina Harbich Johannpeter / Challenger JMen II - FGEE - 0/0/51s13
6º Guilherme Dutra Foroni / Cornet Silver JMen - FPH - 0/4/48s93

Quem foi Alfinete 

José Roberto Reynoso Fernandez, o Alfinete, foi um exímio cavaleiro brasileiro. Conquistou seu primeiro título internacional em 1965, quando foi vice-campeão Mundial de Juniores na Itália. O cavaleiro foi membro da equipe brasileira que conquistou o primeiro Ouro no Salto nos Jogos Pan-Americanos de Winnipeg, Canadá, em 1967, ao lado de Antonio Alegria Simões e do Coronel Renyldo Guimarães Ferreira.

Em 1968, Alfinete classificou-se em 7º lugar individual nos Jogos Olímpicos do México. Conhecido por um estilo impecável sobre o cavalo, o cavaleiro também tem em seu extenso currículo o tetracampeonato brasileiro Sênior (1975/1976/1978 e 1981) e o hexacampeonato do Torneio Pão de Açúcar (1975/1977/1978/1980/1982/1990), mais antigo evento da Sociedade Hípica Paulista, onde foi sócio por muitos anos.

Assessoria CBH/Revista Horse
Deixe seu Recado